O Quartier Latin : mergulhe na história de Paris

A Margem Esquerda é famosa por suas universidades e grandes escolas. O coração de Paris bate ao ritmo de seus estudantes! Sorbonne, faculdade de medicina, École Normale Supérieure, Collège de France entre outras forjaram este bairro depois do século XVII.

A cúpula da Sorbonne, identificável entre mil, está situada não longe das Arènes de Lutèce (47 da rua Monge). Este lugar de topo da vida gaulesa mostra que Paris bem bimilenária. Além disso, para quem gosta de rochas antigas, o Museu de Cluny (6 da praça Paul Painlevé) vos convidará a uma viagem ao coração da Idade Média.

Um pouco mais longe, você fará um percurso romântico na Île da Cité onde, à falta de cruzar Victor Hugo, você visitará Notre-Dame-de-Paris, a Sainte-Chapelle e a Conciergerie. Ao longo dos cais, os mercados de flores e os alfarrabistas, você não deixará de voltar à Margem Esquerda para mergulhar num bairro bem movimentado, com charme sem equivalente, especialmente em redor da Place da Contrescarpe onde poderá desfrutar da animação e de numerosos restaurantes até ao fim da noite.

 

A não perder no Quartier Latin

  • O Museu de história natural e o Jardim das Plantas : um pulmão verde de 24 hectares no coração de Paris, de jardins especializados e de estufas que são uma verdadeira enciclopédia de plantas a céu aberto : este jardim, praça Valhubert, merece uma visita. Ele vos conduzirá ao Museu de história natural, o maior do mundo com seus 62 milhões de espécies apresentadas numa atmosfera digna de um romance. Algumas exposições notáveis têm por outro lado lugar durante todo o ano.
  • O Instituto do Mundo Árabe e a Grande Mesquita : o Sul em Paris ? Para uma visita descontraída no universo hispano-mourisco, visite o IMA e sua arquitetura contemporânea devida a Jean Nouvel. Desfrute de uma vista esplendida desde o terraço e deleite-se de seguida com um chá verde antes de mergulhar em um dos banhos turcos os mais agradáveis da Capital na Grande Mesquita (39 da rua Geoffroy Saint-Hilaire).
  • O Panteão : próximo da mítica Montagne Sainte-Geneviève – do nome da Padroeira de Paris – situa-se o Panteão. Atualmente em renovação, este templo neoclássico foi regido à glória das grandes figuras literárias e políticas do país. Visitar o Panteão, é mergulhar no coração da história francesa das ideias para um momento inesquecível.