Saint-Germain-des-Prés : quando os artistas faziam a festa

Não longe do hotel se situa uma das artérias das mais célebres e das mais românticas de Paris: Saint-Germain-des-Prés. Aqui ainda ressoam o jazz e os acentos festivos das grandes figuras intelectuais ou artisticas francesas, como Jean-Paul Sartre, Boris Vian, Simone de Beauvoir, Jacques Prévert, François Truffaut ou Juliette Gréco. É fácil de seguir seu rastro, especialmente porque a zona permanece festiva!

Em frente à charmante abadia de Saint-Germain-des-Prés datada do século VI – que abrigará no século XVII os maiores historiadores do século – você encontrará facilmente o Café de Flore, os Deux-Magots e a churrasqueira Lipp. Você poderá visitar as numerosas livrarias e galerias de pintura e partir à descoberta de uma verdadeira arte de viver. Perca-se nas ruas circundantes, de Saint-Benoît a Odéon até ao mercado coberto e a Saint-Sulpice, e desfrutar das numerosas esplanadas de cafés, dos locais cativantes e das opulentes boutiques deste bairro cheio de vida a toda a hora do dia e da noite.